Páginas

segunda-feira, 26 de março de 2012

Multa? Por que multa?

Postado por
Eliane M. S. Jovanovich
Bibliotecária - BSEAAJ

           É o que nos perguntamos quando deparamos com uma situação onde temos que pagar uma multa.
Temos sempre a impressão que estamos sendo punidos injustamente, ainda mais quando se trata de  pagar uma multa gerada em uma biblioteca.
Biblioteca??? Mas o objetivo não é disseminar a informação, proporcionar a leitura a todos?
É justamente com o foco no coletivo que a multa surge. Afinal as pessoas não gostam de pagar multa, porém no Sistema de Bibliotecas da UEL isso acontece com muita freqüência.
O atraso na devolução dos materiais emprestados está gerando muitas conseqüências, pois além das multas que acabam doendo no bolso, os usuários acabam ficando com pendências que enquanto não se regulariza a situação, ficam impossibilitados de realizar novos empréstimos.
Esse processo causa um prejuízo no desenvolvimento dos estudos e das pesquisas, sem contar a insatisfação gerada.
Isso, sem falar que diversas vezes o material devolvido em atraso está reservado para outra pessoa que com certeza terá prejuízos.
Além do atraso na devolução gerar todos esses transtornos, ainda podemos dizer que um usuário que vem até a biblioteca para estudar não terá acesso ao material, justamente por estar em atraso com outro usuário.
Podemos dizer que isso atrapalha as outras pessoas que poderiam ou gostariam de consultar a obra que está atrasada.
 Pensando em todo esse transtorno gerado, o Sistema de Bibliotecas alerta a  comunidade usuária através de uma Campanha que, a partir de abril  a multa estará sendo cobrada conforme determina o Regulamento de Circulação e Empréstimo, ou seja por dia e  por obra emprestada.
O objetivo do sistema de Bibliotecas não é arrecadar dinheiro, pois a biblioteca empresta livros, gratuitamente.
EVITE MULTA: DEVOLVA OS LIVROS NO PRAZO!

sexta-feira, 16 de março de 2012

08 de Março – Dia Internacional da Mulher

Solange Gara Portello
Bibliotecária da Biblioteca Setorial de Ciências Humanas
 
Com o intuito de homenagear todas as mulheres, a Biblioteca Setorial de Ciências Humanas entregou um marcador de página especial a cada uma que compareceu à unidade no dia 08 de março, data instituída oficialmente pela ONU (Organização das Nações Unidas) como o Dia Internacional da Mulher. Ainda que singela, a lembrança é uma forma de se mostrar o reconhecimento “à força feminina, capaz de gerar vida, de plantar conhecimento e de colher futuro promissor”. A Biblioteca, sempre desejosa em estreitar os laços com a comunidade universitária, marca este dia importante, no qual se recorda todas as conquistas sociais, políticas e econômicas das mulheres do Brasil e do mundo, conseguidas através de um longo processo de lutas e conscientização da sociedade no decorrer dos anos.







sexta-feira, 9 de março de 2012

12 de Março - Dia do Bibliotecário!


50 Anos de Profissão Regulamentada!

Postado por Eliane M. S. Jovanovich
Bibliotecária  da BSEAAJ

            Em 2012 a Lei nº 4.084/1962, que regulamentou a profissão do bibliotecário, completa 50 anos.
50 anos de batalha;
50 anos de luta;
50 anos buscando o reconhecimento;
50 anos disseminando informações;
50 anos educando;
50 anos tentando acertar mais e errar menos.
           Afinal, considero que ser Bibliotecário é um dom. Num mundo onde a cada segundo surgem novas informações e  novas tecnologias disponíveis,  nós bibliotecários precisamos acompanhar estas novidades a todo custo. Estamos a todo momento num processo de retroalimentação,  aprender, ensinar, reaprender, ensinar
          Eu poderia citar aqui todos os “Amar Bibliotecária (o)”  que estão disponíveis no Youtube, porque certamente é a uma honra para nós, afinal "Amar" não é simples.
          As cinco Leis de Ranganathan que norteiam o fazer bibliotecário e vigoram até os dias atuais.
          Eu poderia listar os principais prêmios envolvendo Bibliotecários, grandes nomes desde o início da Biblioteconomia, no mundo, no Brasil.
          Temos uma Lei importantíssima que regulamenta a nossa profissão, pois somos importantes! Vejam a logomarca criada para lançamento do Selo e Carimbo Comemorativo dos Correios em homenagem aos 50 anos da Lei nº 4.084/1962:  A Lamparina do Saber!
          Somos importantes!  Comemoramos todos os dias a alegria de poder ajudar os que nos procuram, alegria do compartilhamento de informações, saberes e emoções.  Dia 12 de março é o nosso  dia especial, Dia do Bibliotecário!
          E é por tudo isso que nesses 50 anos de reconhecimento quero parabenizar todos os bibliotecários, principalmente os que são meus amigos de convívio, amigos de trabalho, colegas de profissão, professores responsáveis pela minha formação.
         Se preciso for, que continuemos lutando mais 50 anos, mostrando para as pessoas o que é  ser bibliotecário e viver a Biblioteconomia!
         Sou Bibliotecária, sou ser humano, sou Feliz!
         Parabéns a todos os Bibliotecários, em especial aos do Sistema de Bibliotecas da UEL!